Operação GM (77)

Porto de Itajaí realiza a 5ª operação teste de veículos da montadora General Motors (GM).

Porto de Itajaí realiza a 5ª operação teste de veículos da montadora General Motors (GM).

Veículos são importados do México e mais duas escalas estão programadas para este mês.

 O Complexo Portuário de Itajaí tem orgulho em poder anunciar a quinta operação teste pela empresa automotiva General Motors (GM/Chevrolet), através da empresa arrendatária do Porto de Itajaí, a APM Terminals (berços 1 e 2).

A continuação de operações e o aumento gradativo do número de veículos indicam que o Porto de Itajaí vem apresentando estrutura operacional no modelo ROLL ON – ROLL OFF, e apta para entregar uma operação ágil e segura para todas as partes.Operação GM (77)

O Superintendente do Porto de Itajaí, Engº Marcelo Werner Salles destaca a importância de firmar a parceria com a montadora internacional, grande interesse do Estado de Santa Catarina, onde cada operação soma na contribuição, gerando empregos e incrementando economia catarinense:

“Nós temos esperança de firmar em definitivo esta parceria, onde o Estado e o município de Itajaí têm o interesse pelos mesmos fatores, que são a arrecadação financeira e giro de economia. Isto torna-se importante para todos nós e agrega pontos favoráveis para o Porto de Itajaí e o município num todo, pois é um mercado muito seletivo. São poucos portos no mundo que tem a parte de movimentação de contêiner agregada a de veículos, mas sempre há uma grande simbiose neste sentido, então, para nós, seria muito importante ter o Porto Público com essa nova demanda”, expressou Salles.

O navio Diamond Highway, de bandeira Panamenha (PANAMÁ), atracou no Berço 2, às 11 horas de segunda-feira (03), tendo seu início de operações somente às 13 horas e desatracará somente na manhã de quarta-feira (05), devido ao fechamento do canal de acesso ao complexo em virtude das condições climáticas ocasionando ventos e ondas acima do permitido para navegação segura. O navio segue destino para a Argentina.

Durante o processo de desembarque dos veículos, o rendimento foi de 100 carros movimentados por hora, considerando-se uma operação acima do nível proposto pela da montadora.

“O primeiro passo é sempre muito mais difícil, porque você tem que iniciar e demonstrar para estas empresas a confiabilidade, segurança na operação e a produtividade, e é isto que estamos demonstrando e atendendo à risca todas as solicitações impostas pela montadora, finaliza Salles.

 O navio, de aproximadamente 200 metros de comprimento e 33 de boca (largura), desembarcou 1136 veículos, sendo 794 unidades do modelo Tracker LT, Premier e 342 unidades do modelo Equinox LT\ Premier, elevando o número cumulativo (desde o início das operações em 9 junho deste ano) para 4.899 veículos.

A exemplo da quarta operação de desembarque, realizada em 27 de agosto, esta nova remessa trouxe veículos do México, e para este mês de setembro mais duas escalas estão programadas para o Porto de Itajaí.

Compartilhe nas Redes Sociais:

Nenhum comentário.

Escrever um Comentário

Tem alguma crítica, dúvida ou sugestão em relação à publicação? Então deixe o seu comentário e entre na discussão!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>